quarta-feira, 19 de setembro de 2007

Pobre Jasmim


Ontem à noite à hora da comida fui dar com ele com um ar miserável, de boca aberta, um fio de saliva ensanguentada a escorrer. Percebi logo o que tinha acontecido, não sei como (provavelmente em consequência de uma queda) partiu o maxilar...Peguei nele e corri até à clinica, onde após uns raios X se confirmou...maxilar partido. Foi operado hoje, mas a cirurgia não correu tão bem como seria de esperar, mesmo depois de reparada a fractura continua a não conseguir fechar a boca...
Ficou internado a tomar anti-inflamatórios na esperança que a coisa vá ao sitio (se não lá terá de ir para a mesa de cirurgia novamente). Esperemos que tudo corra pelo melhor...

3 comentários:

Cris Bolbosa disse...

Pobrezito. Espero que melhore rápido.
Em tempos tive um gato que me deu um susto enorme, apareceu em casa com um olho deitado abaixo. Também teve que ser operado, foi uma ralação e uma carga de trabalhos.
Há umas semanas a minha cadela também me pregou um susto, deixou de andar, não se sustentava nas patas traseiras. No dia a seguir levámo-la ao veterinário, que disse que estav tudo bem, mas que devia entrar em dieta, pois está muito gorda. Deve de ter sido do peso. Pobrezita, fazia pena vê-la a querer-se levantar e não conseguir.
Cris

Paulo disse...

Pobrezinho, digo eu também. Com esse ar pachorrento, de quem não faz mal a ninguém, não merecia. Ninguém merece esse sofrimento.
Desejo-lhe que se restabeleça rapidamente.
Um abraço.

cristina disse...

Vai tudo correr pelo melhor,vais ver!
Crassula