quinta-feira, 27 de setembro de 2007

Casa amiga do ambiente


Depois de ter visto esta mini osga a sair de trás de um quadro hoje chego à conclusão que apesar de não ter painéis solares nem qualquer sistema de poupança energética (tirando as lâmpadas economizadoras, vá...) devo viver numa casa amiga do ambiente! Ou isso ou a mulher a dias não nada a fazer as coisas como deve ser...


NOTA: nenhum animal foi ferido ou mal tratado para a realização deste post (o bichinho foi capturado e posto em liberdade no exterior)

8 comentários:

Jardineira aprendiz disse...

Tão gira! Porque é que não pode ficar a fazer companhia ao Jasmim? ;)
(Desculpa a boca foleira, aqui no norte não há osgas!)

Paulo disse...

As nossas amigas osgas adoram moscas. Poupa-se no insecticida.
:)

Crassula disse...

Por acaso eu acho as osgas um bicho um bocado para o nojento, sobretudo quando coladas em vidros e a gente a vê las por dentro! jardineira eu só vi osgas quando vi para Lisboa na minha zona (Beira baixa) também nunca vi nenhuma...

gintoino disse...

Eu por acaso não tenho nada contra as osgas, até as acho giras. Mas acho que ficam melhor lá fora do que dentro de casa. Além disso parece-me que os Jasmim lhe "tratava da saúde" se a visse!

Cris Bolbosa disse...

Bem...por cá também há desses bichitos. Não lhes acho muita graça, mas se se mantiverem no espaço delas, não faz mal. Tenho é medo que se cheguem mais cá para casa.
Nesta altura aparecem muitas osgas e sardanitas muito pequeninas, e o engraçado é que não se vêm as "velhotas". O que lhes aconteceu?

gintoino disse...

cris, por aqui vêem-se pequeninas e adultas, mas as adultas são mto desconfiadas e rápidas! ;-)

Espaço do João disse...

Pois fique a saber que não há melhor predador de mosquitos do que a osga. E esta? hem. João

Anónimo disse...

Para evitar as osgas só é possível evitando os insectos ou um produto especial como o "margouillator".