domingo, 18 de outubro de 2009

Festim / Feasting on pomegranates

dsc_0195-1

Pelo menos alguém as está a aproveitar.

Good to know someone is enjoying them.

dsc_0120-1

dsc_0121

dsc_0122

10 comentários:

ameixa seca disse...

Que lindo, os animaizinhos também precisam alimentar-se :) Hoje abri uma mas já estava tocada. A chuva realmente não ajudou nada.

Katarina (Roses and stuff) disse...

Great pictures! The bird on the last shot seems to be thinking: 'don't you touch my food!'

Bichodeconta disse...

Devem ser deliciosas.Vá lá, e que mal tem que os melros e pardais se deliciem? Gosto de saber que pelo menos por aí não falta comida para a passarada..Beijinho e bom final de semana..

Silvana disse...

Que coisinha mais linda! Aqui em casa tb é assim, mas no caso são as maritacas (um tipo de papagaio pequeno)

São lindas e se deliciam!

Beijooooo e boa semana!

MAYBELLINE disse...

Absolutely gorgeous! Please consider using these images for your Christmas cards.

divagacoesaoluar disse...

Fotos espectaculares!! Parabéns

Ana Ramon disse...

Ontem também apanhei as minhas. A árvore ainda é pequena mas já nos ofereceu 6 romãs. Racharam como as tuas mas ainda consgeui apanhá-las antes que apodrecessem debaixo desta chuva pegada.
Os pássaros daqui têm poupado :)

chaiselongue disse...

Beautiful photos! It's good that the birds can enjoy your pomegranates even if you can't.

Matron disse...

I am also enjoying pomegranates in season! What a stunning photo - you could turn it into a Christmas card!

María Teresa Helena disse...

Tanta maravilla!!!gracias por publicar esta fiesta de alimentos terrestres, de gatos y con esa dulzura de tu lengua. Muchas gracias nuevamente. Tengo apenas un jardín en el balcón de un apartamento en el barrio de Palermo, Ciudad de Buenos Aires y te envidio sanamente. He plantado, papas (potatoes) orégano, cilantro, sólo lo que puedo poner en macetas , pero amo la naturaleza y extraño la quinta de mis tíos en donde pasé mi infancia, pcia. de Rio Negro, NorPatagonia argentina. Un abrazo agradecido. María Teresa.