quinta-feira, 4 de outubro de 2007

Dia de colheita


Pela primeira vez em sete anos consegui que a minha romanzeira desse fruta decente. Trata-se de uma arvore com alguma idade e estava em muito mau estado quando para aqui vim morar. As sucessivas podas de limpeza e a rega durante todo este verão finalmente deram os seus frutos. E que frutos! Está carregada de romãs, doces, sumarentas, vermelhas a pedirem para serem colhidas. Hoje decidi-me e iniciei a colheita. Infelizmente aquelas que parecem as melhores (as maiores e mais vermelhas) estão em ramos que me são inacessíveis...tenho de comprar uma daquelas tesouras com cabo comprido para ver se do cimo da escada consigo lá chegar. No entanto a colheita para já não é nada má e já tenho mais romãs que aquelas que (acho eu) consigo comer!

10 comentários:

Cris Bolbosa disse...

Que bela colheita. Assim vale a pena ter árvores de fruto.
E que boas que são, polvilhadas com açucar louro.
Não conheço essas tesouras, lembro-me é das rocas, que o meu avô fazia. Com uma cana muito comprida, num dos topos abria-a em quatro, colocava uma rolha dentro, atava com corda e estava feita a roca. Como eu gostava de ir apanhar pêras "Perlas" e damascos e outras frutas com a roca. Boas recordações.
Cris

Espaço do João disse...

Não é fruto que aprecie muito. No entanto adoro a árvore em especial quando está florida. Já agora; conhece a laranja romã? Experimente enxertar uma laranjeira em romanseira e se pegar verá o resultado. É um pouco difícil mas consegue-se, tendo em especial uma laranjeira plantada encostada á romanseira, é um processo muito engraçado. João

Crix disse...

Ui gintoino, como eu adoro romãs...
com açucar amarelo como disse a cris ou desfeitas em sumo.

Yolanda Elizabet disse...

How nice to have a full bowl of pomegranates! I love those fruits. Wish they would grow in my garden.

gintoino disse...

Cris, isso da roca....tenho de tentar...a corda ata-se onde?
joão, a arvore em flor é muito bonita e a fruta tb! Nunca tinha ouvido falar dessa tal laranja-romã. Essa coisa dos enxertos parece-me mto complicada.
crix, estas são suficientemente doces para dispensar o açucar! Em sumo nunca experimentei...
yolanda,pomegranates are delicious, and the tree looks wonderfull when flowering. I'm not sure how it would behave in your climate, but probably could be grown in a greenhouse

zazika disse...

Desde pequenina que sou completamente viciada em romãs!!!

A minha avó dizia que "ninguém consegue comer uma romã, sem lhe deixar cair um bago", mas eu consigo!
Pelo menos... de vez em quando...

Não há coisa mais bonita que uma taça de vidro transparente repleta de bagos de romã!

zazika disse...

Já gora, na terrinha da minha mãe existem laranjeiras cujos frutos os "nativos" chamam de laranja-romã... Mas são apenas laranjas-sanguíneas, ou seja, laranjas de polpa vermelha.

Serão esses os frutos de que o João fala?

Cris Bolbosa disse...

Gintoino, deixa ver se eu consigo explicar-te: Na ponta da cana, onde se fazem dois cortes em cruz, inseres uma rolha de cortiça, para que as quatro partes se abram e fiquem com o espaço para acolher a fruta. Do lado de fora, vais atando uma corda, passando-a pelo interior e exterior, para assim fixares a rolha.
Penso que era assim que o meu avô fazia, já há muitos anos que não vejo uma peça dessas. Tenta, olha que funcionava lindamente. Depois de ter a fruta dentro da roca, torces um pedacinho para partir o pé da fruta e já está.
Cris

José Manuel disse...

Tenho uma romanzeira que dá bastantes frutos,mas, os bagos não são carnudos como deviam ser. Que tipo de tratamento devo fazer á árvore, para que passe a dar futos bons ?

gintoino disse...

José Manuel, provavelmente não está a receber água suficiente durante a fase de crescimento dos frutos. Acontecia o mesmo com a minha quando eu não a regava regularmente durante o Verão.