quinta-feira, 24 de maio de 2007

Jasmim








Este é o Jasmim. O gato do jardim.

Chegou pelas mãos da minha mãe, pródiga em encontrar gatitos moribundos e em vir deixá-los cá com a desculpa de q cabe sempre mais um...


Vinha pele e osso, desidratado, quase morto. Um nico de gato, ninguem dava nada por ele. Três dias depois já corria pela casa, qual diabrete laranja.


Um dia descobriu o jardim, a sua verdadeira casa, e desde aí passa os dias dormindo à sombra da alfarrobeira. A casa vem de vez em quando, quando lhe apetece brincar, quando quer mimos. Nunca fica muito tempo, há sempre muito q fazer lá fora...

5 comentários:

Ana Maria B disse...

Estive a ver o blog, estou a gostar muito. Adorei a história do porco. Também trabalho nessa área mas com a espécie humana. São muito mais complicados e falam que se fartam.Eu também gosto muito de gatos (e da bicharada toda),tenho duas.
Parabéns pelo blog! Bemvindo ao grupo dos jardineiros!

gintoino disse...

Ana Maria seja benvinda a este espaço, apareça qdo quizer. ;-)

Cris Bolbosa disse...

pois é, com o Micas, a traquinice já começou. Mas é muito meiguinho. E cresceu nesta ultima semana que só visto. Mas o maroto já gosta de ir remexer na terra (aí é que eu não gosto muito!).
O teu é muito dorminhoco, que ricas sestas que faz.
Cris

gintoino disse...

Cris os meus já são adultos, mas tb passaram por essa fase em q só faziam disparates...Davam-me cabo da paciencia com as asneiras q faziam hehehehe. O Micas há-de acalmar tb ;-)

Associação Gato de Rua disse...

Bom dia!
Adoramos este Blog e vamos segui-lo porque, como nós adoram gatos e da Natureza em geral!

PARABÉNS!!!